Premium Contabilidade Assessoria e Auditoria

Contabilidade no Distrito Federal

Abertura de Empresa

Cinco tendências em mídias sociais que vão continuar em alta em 2014

Se eu tivesse que resumir todas as tendências em mídias sociais para 2014, eu pensaria fortemente na ampliação/aprofundamento de cinco conceitos que estão mudando, já há algum tempo, a nossa maneira de interagir com o mundo: social, local, mobile, microtargeting ecloud.

 

Os três primeiros, que já desenvolveram uma simbiose depois de rebatizados sob o apelido de So-Lo-Mo — a combinação de conteúdo “Social, Local, Mobile” — não são novidade, diriam alguns. De fato, esse conceito já vem de alguns anos, até. Mas, mais do que nunca, o mundo não existe mais sem isso.

 

Acontece que So-Lo-Mo não tem a ver com tecnologia. Tem a ver com comportamento. As pessoas compartilham, influenciam e são influenciadas, em uma rede de relacionamentos (social); dão mais importância ao que está ao seu alcance e que podem usufruir rapidamente (local); e querem tudo isso onde estiverem, na hora que desejarem, em uma ampla experiência totalmente conectada (mobile).

 

Mobile puxará tudo. Tudo. Em 2014, haverá mais celulares que pessoas no mundo – algo em torno de 7,3 bilhões de unidades. Aliás, no segundo trimestre deste ano de 2013 houve um momento histórico, a virada do jogo: pela primeira vez, smartphones venderam mais do que celulares comuns, numa clara demonstração de que o futuro é mobile, sem escapatória. A consultoria IDC estima que vamos fechar o ano com vendas mundiais de 1,8 bilhão de celulares, dos quais 1 bilhão de smartphones.

 

A venda de tablets no mundo vai mais que dobrar entre 2012 e 2014, pulando de 120 milhões para 263 milhões, segundo a consultoria Gartner. Mais do que nunca, conectividade e mobilidade são palavras de ordem.

 

O e-commerce, por exemplo, deverá ser muito mais focado em dispositivos móveis, pois as pessoas querem consumo local, sob medida e em tempo real, para satisfazer uma necessidade imediata e específica. Sofisticados recursos de geolocalização, especialmente em aplicativos, serão cada vez mais demandados. Pequenos negócios terão a chance de se posicionarem bem para atender a esse cliente local.

 

Na esteira dessa demanda, responsive design ganhará força e websites deverão ser otimizados para as três telas: desktop/laptop, tablet e celular, permitindo ao usuário navegar com conforto independente do dispositivo que utilizar. A febre dos apps vai aumentar, com soluções voltadas à praticidade, ao entretenimento e à rapidez.

 

As plataformas de mídias sociais vão caprichar na mescla entre o lúdico e a publicidade, a informação e a oferta do produto certo na hora certa. O “consumidor sempre plugado” espera que as empresas entendam quem ele é, do que gosta e precisa e como consome, para receber conteúdo segmentado.

 

Novos recursos de microtargeting ajudarão a identificar perfis de usuários e oferecer-lhes experiências digitais de consumo contextualizadas e customizadas, agregando mais valor e aumentando a conversão.

 

Por fim, a liberdade de acessar tudo o que é seu a partir de qualquer aparelho e em qualquer lugar exigirá novos investimentos em cloud computing, para aumentar a capacidade de armazenamento e compartilhamento de dados na nuvem.

 

Em 2014, qualquer plataforma de mídias sociais (inclusive as em uso atualmente, como Facebook e Instagram) precisa ter em mente que as novas gerações – e, portanto, futuros usuários – terão novas demandas por rapidez, estímulos e possibilidade de fazer várias coisas ao mesmo tempo em um só lugar. E que isso já começa agora.

 

Autor: Mariela Castro
Fonte: http://exame.abril.com.br/

Premium: Contabilidade, Assessoria e Auditoria
Setor Comercial Sul, Quadra 01, Bloco "i", Salas 702, 703 e 704, Edifício Central, Asa Sul, Brasilia, DF 70304-900
Tel.: (61) 3964-9328 / 3244-4605 / 3224-4041 / 99279-1914 (claro)