Premium Contabilidade Assessoria e Auditoria

Contabilidade no Distrito Federal

Abertura de Empresa

Os Quatro P`s das Franquias

Conheça os fatores essenciais que franqueados e franqueadores precisam ter em mente antes de assinar um contrato. O crescimento exponencial do segmento de franquias nos últimos anos é animador, mas exige um olhar mais atento para alguns pontos que nem sempre são levados em conta - tanto por franqueados como por franqueadores.

 

Claudio Diogo, especialista em vendas e consumo e diretor da consultoria Tekoare, percebem que muitos empresários estão animados com o bom momento do mercado, mas não dão a devida atenção a alguns fatores cruciais para o sucesso de uma franquia. “Vejo muita gente entre franqueadores e franqueados que não sabem da onde vem, onde estão e para onde vão. Ou seja, não são norteados por um planejamento estratégico”, salienta.

 

“Temos observados nas consultorias que prestamos a franquias de todo o Brasil quatro características que devem ser levadas em consideração antes do fechamento de um negócio”, adianta.

 

Quais são os 4 P’s?

 

Planejamento: sempre indico aos interessados em se tornar franqueados que não se aliem a uma franquia que não tem um planejamento estratégico muito apurado e que não consegue responder todas as suas perguntas. Um bom planejamento deve responder questões importantes sobre a perenidade do negócio: quanto tempo ela vai existir? Quais são os fatores de risco? O que a torna única? Qual é a expectativa de faturamento? Qual o tempo de retorno do investimento? O planejamento deve oferecer uma descrição profunda sobre o negócio em todos os aspectos - marketing, operacional, contábil e jurídico.

 

Padronização: a franquia deve ter uma padronização cadenciada. Não pode ser extremamente rígida a ponto de não respeitar a regionalidade e os aspectos culturais de cada cidade em que está, mas deve haver um padrão. O padrão faz parte do branding. As pessoas de Porto Alegre e Recife, por exemplo, podem entrar em lojas que não são absolutamente iguais, mas elas devem ter certeza que estão entrando na mesma loja. É comum encontrarmos franqueados de perfil muito empreendedor que gostam de criar e implantar novidades que podem até ser interessantes, mas que acabam por descaracterizar o perfil da franquia.

 

Perfil (de franqueado e franqueadores): somos procurados por várias franquias para dar treinamento, fazer avaliações de equipe, avaliações sobre como está o atendimento e como transformá-lo em vendas. Não raramente, nos deparamos com um problema clássico: os franqueadores, focados apenas em receber o cheque da taxa de franquia, acabam franqueando qualquer um que tenha o capital necessário. Ignoram completamente o perfil do candidato a franqueado. Franqueados normalmente são pessoas que precisam e gostam de seguir normas e padrões pré-estabelecidos e preferem contar com um planejamento já desenvolvido. É fundamental, portanto, ter mecanismos para avaliar o perfil do interessado em se tornar um franqueado.

 

Peculiaridade do negócio: Toda franquia deve entrar no mercado com algo único, que só ela detenha. Seja isso uma característica do produto, branding, exposição de mercado, exposição no ponto de venda ou um ponto de venda diferenciado, é importante que você tenha algo que seja só seu. Temos observado nos últimos anos franquias que foram criadas em cima de uma grande idéia, mas que não era original. Essas franquias foram facilmente copiadas com um nome parecido qualquer e se tornaram commodities. Dificilmente o consumidor percebe a diferença entre uma e outra. É um grande desafio. 

 

Fonte: Douglas Luz - LondonPress.

 

Premium: Contabilidade, Assessoria e Auditoria
Setor Comercial Sul, Quadra 01, Bloco I, Salas 702, 703 e 704, Edifício Central, Asa Sul, Brasilia, DF 70304-900
Tel.: (61) 3964-9328 / 3244-4605 / 3224-4041 / 99279-1914 (claro)